Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

A diferença entre antecipar e ser teimosa

Um dia de aniversário com:

- presentes

- lanche

- cinema com pipocas.

 

Total: €41 

 

E pronto. É assim.

Em vez de me organizar e antecipar a compra de presentes, decidi ser teimosa-eu-vou-terminar-o-presente-caseiro-porque-disciplina. 

Acabei com um dia bem passado e com a compra de presentes-eu-sinto-me-culpada-por-não-ter-feito-mais.

 

Ela adorou, mas eu deveria ter feito melhor.

Calculadora de salários mundiais

Antes de mais, é-me indistinto se a calculadora é cientificamente correcta. É divertida.

A calculadora da CNN compara o poder de compra em diferentes países, e com base no salário anual, dá-vos uma profissão equivalente noutros pontos do globo. 

Eu descobri que ganho o mesmo que um/a motorista na África do Sul.

1.JPG

 

 

Não desistir

001.jpg

Aqui está a minha disciplina e a falta dela, a cores, ainda por cima.

 

As soft news estão cheias de artigos sobre o dia mais triste do ano: está frio, as festas acabaram e a maioria das pessoas já se esqueceu das resoluções. Pior, não se esqueceu, nada fez e tem na boca o sabor amargo do falhanço. 

 

É nesta altura que vejo desistirem das suas resoluções: como falharam 15 dias não vale a pena continuar. 

 

Não desistam. 

 

No ano passado tinha duas resoluções: não comprar vestuário e não comprar livros. 

Logo em Janeiro esqueci-me que tinha feito a resolução e comprei meias. Depois, gastei €3 em duas camisolas de lã numas promoções do CNT. Também gastei €2 num livro. 

 

Poderia ter decidido esquecer as resoluções - se não posso dizer que não comprei, que se lixe... então vou comprar porque, perdida por 1, perdida por 1000. 

 

Mas uma coisa é gastar €1 e outra é gastar €1000. 

 

Por isso, no dia seguinte a ter falhado, persisto na resolução: não comprar vestuário ou livros.

 

E é persistindo, mesmo depois de falhar, que cheguei ao final do ano gastando cerca de €10 em vestuário e menos de €2 em livros. 

 

Se não o tivesse feito, seria uns euros aqui e ali e os pequenos gastos somariam uma grande despesa.

 

Por isso, não desistam. O melhor dia para começar é sempre aquele em que começam.