Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Abrandei o meu fim-de-semana

1 (34).jpg

Mantive a tábua do ferro aberta, durante o fim-de-semana, para me motivar. Passei a ferro 6 pares de calças de ganga - que uso diariamente. Já não tinha nenhumas passadas para vestir.

Percebi que não preciso de 4 pares a uso e vou guardar 2 para substituição, quando necessário.

Continuo a comprar calças de ganga de €1.00 e €0.50 sempre que as apanho no meu tamanho (e sem buracos... tão na moda).

 

IMG_20180209_213957_797 (1).jpg

Estava nua e descabelada. Usei o Youtube para me ensinar a reparar o cabelo e fazer um vestido com uma tira de tecido de cortinado.

Se for doada, pelo menos vai com adereços.

 

1 (35).jpg

O meu sábado à noite foi junto à máquina de costura a abrandar de um dia de limpezas. Peguei no primeiro remendo pendente, de um saco cheio: uma camisola interior. 

Eu adoro ver remendos visíveis e por isso decidi brincar com a ideia.

 

Depois decidi - FINALMENTE - dar uso a um mosquiteiro (?) que comprei numa loja solidária, para transformar em sacos de compras translúcidos.

Ainda tenho metros e metros para gastar e como era tecido usado, considero com zero impacto ambiental.

IMG_20180212_080955_045.jpg1 (36).jpg

  

E chegamos a domingo.

Comecei a fazer uma boneca de feltro em que pude utilizar, não só material que comprei para o efeito, mas também restos dos sacos de mini retalhos, o que me deixou muito feliz. Foi tudo cosido à mão e assim foi passando a tarde.

Na verdade, só estou à espera que a tinta de brilhantes seque para poder terminar. 

Também já comecei a cortar a segunda. 

IMG_20180123_173021_090.jpg

As garrafas de gás continuam a €25. Pedi emprestado algo que precisava, em vez de comprar. Doei o que já não precisava.

 

Pode parecer um "abrandar" demasiado produtivo (e eu sei que isso é um problema, mas para outra conversa), mas por isso escolhi projectos que predominantemente fiz à mão. Isso obriga-me a abrandar um pouco. 

3 comentários

Comentar post