Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

As minhas férias - 1

Há um abismo entre as férias desejadas e as férias que posso ter. Mas a crise económica não tem responsabilidade neste assunto. 

 

Eu sonho com umas férias a fazer nada. Nenhuma responsabilidade, nenhuma tarefa, apenas ficar dentro de casa a fazer absolutamente nada, excepto ler, ver televisão, costurar, fazer um puzzle e pouco mais. 

 

Imagino que há muitas/os que partilham a mesmo sonho. Não ter de fazer nada, já seria muito.

 

Porém, importa não esquecer que, umas férias a nada fazer  provavelmente significaria que não teriamos algumas pessoas na nossa vida (as mesmas que são a razão de tantas responsabilidades). Assim, festejem-se as responsabilidades e o facto de continuar a ter salário enquanto gozo as férias (o mesmo não poderão dizer muitos trabalhadores independentes).

 

Remendar para poupar

Continuo a optar pelos remendos.

É uma opção mais sustentável, mais económica e até mais descomplicada (é uma trabalheira encontrar umas calças de fato de treino completamente brancas que não sejam largas em baixo). 

As minhas calças de limpeza (brancas porque utilizo lixívia em algumas ocasiões) tinham alguns buracos provocados por uma sessão de trepar ao limoeiro.

Bastou um ponto zig zag e continuam perfeitamente aptas para as limpezas.

DSC_0031.JPG