Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Melhores finanças pessoais em 2019: I´m a material girl

Eu tenho plena consciência que o meu estado natural é ser consumista e materialista. Eu gosto de coisas. Se tivesse como pagar, onde ter e quem limpar, a minha casa seria um museu + biblioteca + zona de lazer e com piscina aquecida, claro.

A realidade é uma casa com fissuras, muitos livros e poucas estantes para os livros que tenho. Por isso começo o ano com uma operação Destralhar e, ao contrário de anos anteriores, serei muito mais incisiva.

 

Neste momento, porque tenho muitas limitações no que respeita a saídas, a casa e o que faço dentro dela será o meu principal foco: limpezas, obras de conservação, destralhar e organizar.

 

Quanto mais temos, mais gastamos, desde a aquisição à manutenção. Não só dinheiro, mas também em tempo. 

 

E porque sei que sou uma pessoa visual (no meu caso é: longe da vista, longe do cérebro), em 2019 irei fazer um registo específico do que entra e do que sai (excluído alimentação e consumíveis de limpeza), ou seja, do que comprei e do que destralhei. 

 

Alerta mensal no google calendar com o nome: operação destralhar

Criei um evento no meu calendário pessoal e nas definições indiquei que repetia mensalmente. 

Caderno físico

Fui buscar um resto de um bloco de notas para usar como registo físico. Ficará pousado junto ao computador, um local onde estou diariamente.

O caderno estava a desfazer-se por isso cobri a capa com recortes de revistas e fita cola larga.

IMG_20181230_180031_731.jpgIMG_20190101_190958_236.jpg

Fotos = lembretes

Vou utilizar a câmara fotográfica do telemóvel para me enviar lembretes do que compro ou do que destralho, se estiver fora de casa.

 

Ou seja, vou tentar anotar o que gastei e fazer um balanço mensal. O objectivo é que esse balanço mensal me faça reavaliar as compras que fiz e seja uma forma de avaliar futuras compras: Preciso? Porque quero? Vai ajudar nos objectivos das minhas finanças pessoais? O que vou deixar de comprar, para comprar isso?