Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

A pensar no início do ano escolar

Descontos, 19.07.14

A minha cabeça já está no início do ano escolar. É que já só faltam 2 "fins do mês" para esticar a poupança para os gastos adicionais que aí vêm. Na minha lista mental estão:

 

- vestuário Outono/Inverno;

 

- material escolar (rever o stock + orçamento para itens das listas dos professores);

 

- livros escolares.

 

 

Vestuário Outono/Inverno

 

Confesso que não tenho planos para comprar roupa de criança nos saldos deste ano, a não ser que apareçam bons itens como: roupa interior, camisolas grossas, sobretudos e sapatilhas. 

 

Coisas como calças de ganga ou vestidos, eu consigo facilmente em lojas sociais ou trocas e são itens que dão para vestir durante quase todo o ano.

 

Material escolar

 

Felizmente tenho um bom stock de coisas que fui conseguindo comprar a bom preço durante o ano, desde mochilas a cadernos. Naturalmente há itens que, com um bom desconto, se podem comprar sempre:

- marcadores,

- guaches,

- lápis de colorir,

- lápis e esferográficas,

- afias com depósito,

- borrachas de apagar, etc.

 

Depois há itens em que compro apenas com descontos de cerca de 75% porque a sua utilização fica muito dependente do que os professores querem nesse ano. Por exemplo, eu sei que posso comprar sempre guaches Giotto porque é uma marca sempre preferida pelas escolas, mas não sei se vão querer cadernos pretos agrafados ou capas de argolas. 

 

Mas há itens em que o investimento pode não compensar face aos preços praticados nas papelarias dentro das escolas. 

 

Também tenho sempre material "extra" para as "pintoras" utilizarem em casa, tentando diminuir o desgaste do material de escola (geralmente a opção mais cara).

 

Neste momento não vejo promoções relevantes. Em regra, primeiro começam a vender com desconto as sobras de itens de verão (cadeiras, brinquedos, etc.) e depois aparecem sobras de itens escolares, antes da próxima época. 

 

Livros escolares 

 

Confesso que aqui tenho sempre optado por livros novos. Nos primeiros anos de escolaridade a generalidade dos livros têm diversos exercícios tornando-os praticamente descartáveis. 

 

Cada vez mais há quem opte pelas trocas de livros, bancos de livros escolares e até compra de usados. Que experiências e recomendações têm neste tipo de aquisição de livros escolares.

1 comentário

Comentar post