Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Despesas inesperadas no orçamento anual

13.04.21

É regra de ouro criar um fundo de emergência para despesas inesperadas, mas a verdade é que muitas não são tão inesperadas como isso. É simplesmente a vida a acontecer.

khamkeo-vilaysing-WtwSsqwYlA0-unsplash.jpg

Esta semana fiquei com as lentes partidas porque uma rabanada de vento me atirou os óculos ao chão. Falar em inesperado.

 

Mas mudar de lentes de forma mais ou menos regular não é inesperado. E por isso, eu tenho um envelope virtual para onde transfiro 50 €/mês para despesas com saúde.

 

O mesmo acontece com o envelope virtual para manutenção do carro. Há despesas anuais com que contamos, mas também há avarias com que temos de contar.

Neste momento, excluindo gasolina e estacionamento, eu sei que preciso de cerca de 500 €/ano para cobrir as diversas despesas com o carro, desde inspecção, seguro e reparações.

E por isso, tenho que prever, essa despesa anual, no meu orçamento mensal. 

 

Ao instalar um sistema que me prepare para os imprevistos (tão certos com a morte e impostos), permite-me que esses momentos se tornem, no máximo, um inconveniente, em vez de um momento de desespero.

 

Photo by Khamkéo Vilaysing on Unsplash

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Elsa Costa 13.04.2021

    eh lá! 20?
    Eu usava no Montepio os mealheiros virtuais, com objectivos e prazos, gostei tanto que fui criando vários. Quantos? 10! Por muito que quisesse criar mais um, o dinheiro é que não dava para mais[<)]. Mas que fiquei com o "bichinho" da poupança em envelopes/mealheiros, fiquei! E a ideia que veio daqui, pegou! .
    Tornou a poupança mais organizada, objectiva, digamos assim.

    Obrigada Cristina! Desde então, o dinheiro para o seguro do carro (por exemplo) está já pronto no mês anterior ao pagamento. Tento colocar o duodécimo acrescido de 10%, e o que sobrar desta rubrica "seguro do carro" adiciono à rubrica de "manutenção".
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.