Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais - Julho

Este mês foi de orçamento zero. Não gastei mais, nem poupei. Ainda assim considero-o positivo por duas razões:

- apenas gastei €9.05 em restauração e metade disso, foi uma refeição no fim-de-semana, em passeio;

- os erros que cometi foram absorvidos pelas poupanças que fui fazendo durante o mês (por exemplo na restauração).

 

Os erros:

- gastei €31 em "maluquices" que nos últimos tempos é quase sinónimo de compra de livros, em que me ando a exceder;

- fiz um gasto de €60, que se revelou um desastre e puro desperdício de dinheiro.

1 (342).JPG

Em relação aos envelopes, a coisa até correu bem e os "excessos" são de cêntimos. Até o supermercado não contabiliza o reembolso que conto receber.

 

Este mês tenho gasto mais em restauração e provavelmente irei gastar mais em gasolina. Os passeios a tentar imitar férias que não vou ter, levam a isso. 

 

Como eliminei o envelope férias, o meu objectivo para Agosto é que os gastos extra sejam absorvidos pelos cerca de €100 que tenho para despesa fora dos envelopes.