Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais - Julho

Descontos, 03.08.15

foreign coin & hand 0004.jpg

 Em Julho poupei cerca de 150 euros sem ultrapassar o disponível nos meus envelopes, excepto €2.00 no envelope de maluquices.

 

Excepcionalmente decidi não aplicar este valor às poupar porque acredito que os posso gastar em extras de Agosto:

- supermercado - vou aproveitar a época dos tomates e curgetes (do quintal) para cozinhar para o congelador (por exemplo, hamburgueres e almôndegas com molho de tomate; feijoada de feijão preto, ...); vou comprar mais gelados; vou cozinhar para mais pessoas;

- carro - vou passear mais e com viagens mais longas, por isso irei gastar mais gasolina e portagens;

- restauração - vou passear mais e isso implicará mais consumo em restauração, não tanto em almoços, mas lanches serão mais frequentes.

 

No final de Agosto, o que poupar será encaminhado para as poupanças, como habitualmente. 

 

Agosto

 

A organização dos envelopes em Agosto será um pouco diferente.

- supermercado - não vou registar despesas, mas vou contabilizar os talões de compra no final do mês

- restauração - não vou registar despesas, mas vou anotar quanto coloco no pequeno porta-moedas dedicado a essa despesa (assim percebo quanto gastei)

- carro - é uma  despesa que quase sempre pago por multibanco  e via verde, por isso só preciso de registar o que pago em dinheiro

- miúdas - vou andar com este envelope porque planeio utilizá-lo para algumas actividades de férias

- maluquices - vou registar estas despesas, mas não irei respeitar o orçamento mensal, esta rubrica será a que paga entrada para um museu, uma ida ao cinema, etc.

 

Agora pergunto-me se não deveria criar um envelope "férias" para abarcar estas despesas (excepto a de supermercado).

2 comentários

Comentar post