Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Matar o bicho da madeira

Descontos, 15.05.14

Quem tem madeira antiga arrisca-se a ter inquilinos indesejáveis vulgarmente conhecidos por bicho da madeira. Na verdade os bichos são diversos mas vai dar ao mesmo... mudam-se de malas e bagagens para a nossa casa e comem a mobília. 

 

Se a coisa é extensa, o melhor é eliminar a peça do interior da casa. Aplicar cuprinol dificilmente irá resolver o problema - teria de conseguir aplicar toda a profundidade da madeira. 

 

Mas se é só um furinho que apareceu, deram-me uma dica: colocar em cima desse furo um algodão embebido em cuprinol, "abafando" o bicho já que a aplicação do cuprinol em líquido (pelo buraco/túnel) poderá não ser suficiente.

 

Vou experimentar porque já vi dois montinhos de pó no soalho da sala.

 

Entretanto, o que eu costumo usar é a latinha com aplicador que vêm na foto. Pergunta idiota: xylophene é o produto ou a marca? Se é a marca, qual o produto/material?

 

 

 

 

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Descontos 14.07.2019

    Muito obrigada pela dica. Curiosamente, o que tenho neste momento é o xylofene, mas vou ser franca: pensei que era só uma questão de marca. Fico-lhe agradecida pela informação porque assim vou estar melhor informada na próxima compra que, por acaso, até seria para breve.

    Eu conheço as câmaras, mas no meu caso, teria se levar a casa embrulhada. O bicho está pelas faixas e ombrais de portas... e já ataca até o chão novo... que era suposto ser tratado.

    Já quanto à mobília, tem razão, há essa alternativa e deveria tê-la mencionado no post. (Irei fazer uma adenda). Mas a verdade é que os preços são proibitivos, entre o transporte e o serviço.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 21.11.2019

    Boa tarde.
    Este tópico despertou a minha atenção porque estou com um problema grave com bicho da madeira numa sala de trabalho com chão flutuante.
    Há cerca de dois anos estava a deslocar uma bancada com rodas e uma roda fez abater o soalho.
    Fui averiguar e tinha um buraco no chão flutuante que não se via. O bicho come o todo o suporte da peça e só fica o plastificado que faz o acabamento.
    Este bicho é parecido com formiga branca um pouco maior.
    Abri um quadrado de cerca de 20x20, limpei e apliquei xilofene. Finalizei com um remendo.
    Como a aplicação do chão flutuante leva uma tela por baixo e não é colada, toda a área da sala é facilmente percorrida por estes térmitas e as colónias vão proliferando.
    Conclusão; já encontrei mais três zonas de abatimento.
    Haverá solução alternativa a ter que remover todo o soalho e queima-lo de imediato?
  • Imagem de perfil

    Descontos 21.11.2019

    Honestamente, se já está com abatimento acho que tem mesmo de retirar o soalho. Estou com o mesmo problema.
    Existem empresas que fazem tratamento, mas pelo que percebi, fica mais caro que mudar o soalho. Soalho e tela.
    Colocar o xylofene só parece atrasar, mas não resolve. Pelo menos cá em casa.
    O "meu" bicho é diferente, são uns bichinhos pretos.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.