Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Presentes para sobrinhas e sobrinho? Feito! E para a tia? Também!

23.11.18

Se a memória não me falha, é a primeira vez que vou comprar presentes no Black Friday que, verdade seja dita, raramente compensa.

Aliás, com excepção do livro que comprei para mim, as restantes promoções (20% desconto em livros + portes) vão acontecendo durante todo o ano. Não são nada de especial.

 

Mas escolhas estavam feitas e como só vou comprar livros, vai ser canja:

1 (496).JPG2 (251).JPG

Estes livros de BD são fantásticos!!! Não me tinha apercebido que eram tão grossos. Sei que vão ser adorados pela sobrinha que lê e relê a Sea3Po.... em suma, mais unicórnios. 

3 (150).JPG

Este demorei a encontrar, mas acho que consegui. O meu sobrinho interessa-se por questões ambientais por isso, foi com isso em mente que procurei um livro para ele. 

Comecei pelo site da Gradiva mas a pesquisa deles é atroz. Não me surpreendeu que depois acabasse por encontrar um livro dessa editora. Do Plano Nacional de Leitura, claro!

Capturar (323).JPG

Uma outra sobrinha adora esta colecção. Foi o que escolheu na Feira do Livro e eu registei isso como ideia de presente futuro. Claro que teria de escolher o que tem "tia" no título. Não é para o Natal porque não é católica, mas para o aniversário, que é já no final do mês.

Vou comprá-lo no CNT com 15% desconto em cartão*. A mesma colecção também está na FNAC com 40% desconto.

* Não vou, não, porque o cupão exclui livros com menos de 18 meses. :)

 

Para uma outra sobrinha já comprei um fato de treino super quentinho, na Zippy com um cupão de €10 em €20. Tenho outro para o final deste mês.

 

E finalmente, para a mais velha, guito azul para ela comprar o que quiser e uma caixa dos seus bombons preferidos para desembrulhar.

 

Bom, a tia que muito esperou e pedinchou por uma promoção de 50% para comprar o Livro do Desassossego da Tinta da China, conseguiu-a nesta Black Friday e por isso não hesitou.

1 (499).JPG

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Descontos 25.11.2018

    É o cupão geral. Como já só uso aplicação, já nem me lembro de das exclusões.
    Pensei que o livro tinha mais tempo, mas é só de Fev. deste ano. Paciência.
    Obrigada pelo lembrete!
  • Sem imagem de perfil

    Ricardo_A 25.11.2018

    Em tempos já se comentou essa exclusão dos livros nos cupões do continente, mas não encontro o post (talvez tenha sido no blog de leituras da Cristina).

    Aquilo que os cupões dizem no verso é que não são aplicados em "...livros (ao abrigo do preço fixo)...".

    A lei do preço fixo - Decreto-Lei n.º 176/96 de 21 de Setembro - diz no artigo 4º o seguinte:

    Artigo 4.º
    Venda ao público
    1 - O preço de venda ao público do livro, praticado pelos retalhistas, deve situar-se entre 90% e 100% do preço fixado pelo editor ou importador.
    2 - Os retalhistas podem estabelecer preços de venda inferiores ao referido no n.º 1 sobre livros que tenham sido editados pela primeira vez ou importados há mais de 18 meses.

    Ou seja, pelo número 2. qualquer livro editados há mais de 18 meses pode ter as promoções e os descontos que os comerciantes entenderem e, como tal, está fora do âmbito da lei do preço fixo.
    Os cupões do continente funcionam em livros com mais de 18 meses.

    Eu no Verão tive essa conversa com uma senhora, na caixa do continente, quando comprei apenas livros com o cupão de 5/20. Ela disse-me que o sistema não ia creditar o desconto, expliquei-lhe que ia e porquê (lei do preço fixo), e no final lá estavam os 5€ creditados. Ela ficou surpreendida.

    Eu até vou mais longe: duvido que o sistema do continente consiga distinguir um livro abrangido pela lei do preço fixo (ou seja, com menos de 18 meses de publicação). Não estou a ver o sistema a ter informação sobre a data de publicação do livro para "decidir" ou não aplicar o desconto. Arrisco a dizer que até uma novidade acabada de publicar vai ter o desconto (embora nunca tenha experimentado e não o possa garantir).
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 25.11.2018

    O sistema diferencia mesmo os livros com mais de 18 meses. Já fiz a experiência com uma novidade e um mais antigo e o desconto de 10% só foi aplicado ao antigo.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.