Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Diário das minhas finanças pessoais

Isto é mesmo um diário, mas também um bloco de notas e talvez um caderno de ideias (umas melhores que outras)

Sentimento de privação

Descontos, 01.02.15

Ontem prometi que falava sobre o que me tenho privado, com o desafio de gastar o que tenho e fazer o mínimo de compras de supermercado. 

Na verdade, não me tenho privado de nada. Eu almoço as minhas marmitas (feitas por mim ou sobras do jantar na casa dos meus pais). Relembro que estou a jantar em casa dos meus pais (e até alguns almoços) pelo que as refeições que saem dos meus armários são poucas.

Por isso, apenas tenho comprado leite, ovos,  fruta e pouco mais. 

Quando me apeteceu bolachas de água e sal para comer com compota, comprei. Quando acabou o papel vegetal, comprei.

 

Mas é verdade que estamos tão habituados a comprar, comprar, comprar quea saída do supermercado com apenas 6 pacotes de leite é estranha. Há um sentimento que falta qualquer coisa. Os folhetos são um constante... podia comprar isto, isto está baratinho, ...

 

No último dia do mês decidi atacar esse sentimento de privação com uma dose de realidade: inventário. O inventário estava abandonado há meses: quase não faço compras, tento que os meus pais gastem o que eu tenho...

 

A dose de realidade:

chás - diversos (o meu preferido sai do quintal: sementes de funcho)

massas - 1 pacote aletria, 2 pacotes de espiral, 1 pacote de esparguete integral, 1 pacote de lasanha+1 aberto, 1 pacote laços e outros abertos (conhas, esparguete, mini cotovelos, estrelinhas) 

arroz - 4 kg arroz integral, 1 kg arroz agulha, 1 kg arroz risotto

farinhas - 2 kg farinha integral, 1 kg farinha T65 e abertos de farinha fina com e sem fermento

amido de milho - 5 pacotes (fiz sock no natal e nem vi que tinha um pacote por abrir... lindo!)

enlatados: 1 lata de tomate, 1 lata de ananás, 3 frascos de pickles (que diabo???), 1 frasco azeitonas, 9 latas pequenas de milho doce, 2 latas de feijão manteiga, 1 lata de atum, 1 frasco de feijão catarino, 1 frasco de feijão manteiga

leguminosas secas: feijão frade, feijão preto

pequeno-almoço:

2 frascos de cevada

2 frascos de mokambo

1 saco flocos aveia integral

2 saco flocos centeio integral

 

1 kg corn flackes 

sementes e frutos secos diversos (para fazer granola caseira)

 

E 3 gavetas de congelador com carne, peixe e legumes (ainda não fiz esse inventário).

 

Não concordam que tenho o suficiente para continuar Fevereiro a gastar o que tenho?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.